quinta-feira, 4 de novembro de 2010

que saco

Ouvir música de festa enclausurada no quarto é a coisa mais deprimente do mundo, vai dizer. Me sinto um passarinho vendo o sol por trás da gaiola.

2 comentários:

Lúcia disse...

Hmmm, minha sensação é praticamente contrária. Fico tentando me lembrar o que me passa pela cabeça de ir pra esses lugares. Até por que nunca toca as músicas que eu gosto, ou melhor, tocar até toca, mas não na quantidade que eu gostaria. Acho que vou mais pela companhia do que realmente pra dançar.

Martini disse...

hahahahaha.... sua bichinho do mato!
no meu caso, dispenso a companhia e danço sozinha quando a música é boa!
companhia eu tenho em qualquer outro lugar!
dance floor is sacred!